segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

10 coisas que são um turn-off


Listas! Quem não gosta de uma boa lista?
Só um aparte... Hoje em dia estamos tão americanizados, que eu estive aqui imenso tempo a pensar no equivalente à expressão "turn off" neste contexto em português. A única da qual me lembrei foi corta-pica. Por isso, à falta de melhor expressão, cá vão as dez coisas que para mim cortam a pica num gajo, ou numa gaja. Nota: claro que não acrescentei à lista coisas óbvias como psicopata, agressivo(a), caluteiro(a), má pessoa em geral, etc.
São dez comportamentos leves e discutíveis:

1. Erros ortográficos - não vale a pena tentar passar uma borracha por cima, vai sempre causar-me impressão e diminuir a pessoa no meu agrado.

2. Não gostar de gatos - Ok, não gostar de animais em geral é um turn off mas porquê os gatos? Posso estar enganada mas acho que isto revela muito sobre a personalidade e a maneira como alguém se relaciona com os outros, também o quanto essas pessoas prezam a individualidade e a independência, ou não.

3. Mandar mensagens a toda hora - Os chamados melgas, ou em inglês, serial texter. Calma com o andor! Tal como com os amigos, o essencial basta, e uma ou outra piada inteligente que nos vem à cabeça. Não há pachorra.

4. Gostar de kizomba ou outros gostos musicais duvidosos - eu sou bastante ecléctica, respeito os gostos musicais de outrém e não frequento o meio onde se ouve este tipo de música, mas definitivamente, não! Até aguento sertanejo se a pessoa vale a pena, mas kizomba, não!

5. Pressa em entrar numa relação - Acho que nem vale a pena acrescentar mais nada. Roma não se fez num dia. 

6. Tirar muitas selfies - Quase todos nós, portadores de um smartphone, já tirámos uma ou outra selfie num dado momento. Mas fazer da selfie um hábito, ou ter-se como figura central em todas as fotos, é algo que para mim, não encaixa.

7. Fumar - Fumar é outro hábito muito pouco atraente. Não diria que é impossível olhar por cima disso, mas é difícil, admito.

8. Ser pinga-amor -  Escrevi um post há alguns anos aqui no blog sobre esta espécie. Tal como ser muito carente, também é um turn off. Sempre fui da opinião que quem muito de apaixona, pouco tem por que se apaixonar.

9. Não ter ambições próprias - Antes das pontes que construímos com as outras pessoas, temos que construir o nosso castelo. Aquilo que nos distingue. É preciso ter paixão e gosto por alguma coisa, sei lá, nem que seja coleccionar cromos.

10. Vaidade/Materialismo - Não me lembrei da palavra certa para explicar este turn off. Mas sabem aquelas pessoas que são uns autênticos pavões humanos? Tipo, vendem o fígado para ter um carro vistoso e passam os dias de folga no shopping a comprar roupa e a sua maior preocupação é escolher entre aquelas sapatilhas todas brancas ou aquelas sapatilhas brancas com um risco vermelho? É, eu não gosto disso.


E termino a lista por aqui. Se bem que ainda me lembrei de mais uma ou duas coisas mas sem tanta importância para mim. Como podem ver, não sou nada esquisita.




5 comentários:

Mary disse...

1, 3 e 6, exactamente por esta ordem. Da tua lista, são os meus maiores turn-off.
Adorei o post.

Se quiseres vê este post que escrevi há já algum tempo, sobre o mesmo tema ;)

Mary disse...

http://tudomaisquepalavras.blogspot.pt/2016/11/coisas-que-osalguns-homens-fazem-e-que.html

O link xD

Mari disse...

R: Bem, em relação a isso - quanto a mim - depende do nome :)

Mari disse...

R: Obrigada.
Oh, gostei tanto da frase, ainda n a conhecia! Só conhecia aquela que diz ... make limonade. ;)

м♥ disse...

Concordo muito! Erros é para esquecer mesmo e ser uma pessoa demasiado melga, sempre atrás, sempre a mandar mensagens (e mandar tipo 5 seguidas quando poderiam ter sido agrupadas na mesma mesnagem...) dá-me nos nervos.