domingo, 20 de novembro de 2016

Desafio Wanderlust

Decidi responder a um daqueles questionários blogueiros. Uma bela maneira de passar o tempo e que me fez recordar coisas engraçadas. Nunca tinha feito nenhum e agora fiquei com vontade de fazer mais. E o tema deste é... Viagens!



1. Quando e para onde ia o teu primeiro avião?
 Em 2011, para Londres. E para ficar! A primeira coisa que vi foi o avião dos Iron Maiden assim que aterrámos em Gatwick e achei aquilo um máximo. Também fiquei a saber que adoro andar de avião.



2. Qual foi a tua última viagem?
  Bélgica, o ano passado. Este ano passeei pelo nosso jardim à beira-mar plantado!


3. Qual será a tua próxima viagem?
  Nova Iorque. Vou atravessar o "lago" pela primeira vez!


4. Para onde já foste e gostarias de voltar?
 Croácia e Barcelona. E claro que quero voltar aos lugares onde vivi, Montlhéry e Londres



5. Vais viajar amanhã e dinheiro não é problema. Para onde vais?
 Bali. É que era já.


6. Transporte preferido de viagens: avião, comboio ou carro?
 Comboio tem um encanto especial, mas gostava imenso de fazer uma longa road trip de carro.


7. Site preferido de viagens?
 Não frequento sites de viagens, mas adoro o blogue/canal de youtube "Shut up and Go" do qual já falei aqui.




8. Para onde viajarias só para comer a comida local?
 Não preciso de atravessar a fronteira, Portugal FTW! E eu vivo no Porto onde se come bem e barato. Todo o santo dia é uma boa experiência gastronómica. Ámen. 


9. Viajar sozinha(o) ou com companhia?
 Com companhia mas sempre aberta a conhecer pessoas.


10. Sabes o número do passaporte de cabeça?
 Não, mas acabei de renovar!



11. Preferes o assento do meio, corredor ou janela?
 Janela nas viagens curtas, corredor nas viagens longas.


12. Como passas o tempo no avião?
 Dez minutos a ler, o resto do vôo a dormir.


13. Pior experiência de viagem?
 O hostel em Manchester.


14. Melhor experiência de viagem?
 Impossível escolher só uma. Fico-me pela sensação quase indescritível de estares num lugar que naquele momento parece só teu e que o mundo te cabe nas mãos.






Sem comentários: