domingo, 17 de janeiro de 2016

Singularidades da Língua Inglesa

Já aqui falei de expressões inglesas e das diferenças do Inglês britânico e americano. Mas ainda não me tinha lembrado de uma coisa que nesta língua não tem jeito nenhum. As palavras que são pronunciadas de uma forma completamente diferentes do que são escritas. São maioritariamente nomes de lugares. É algo que já me tirou do sério bastantes vezes e que eu e mais amigos estrangeiros já debatemos "mas porquê? porquê?!". Será que alguém começou a dizer assim e pegou moda? Não sei, mas eu preciso de algum linguista que me explique a causa disto tudo.
Ora, ao que me refiro é, palavras como Worcestershire, Leicester, Gloucester, Lancashire, e Edinburgh. E que eles pronunciam worstechér, léster, glóster, lancachér, edinbrah. Isto confunde muito os estrangeiros aqui. Ainda há pouco tempo uma amiga minha estava a falar com um colega inglês sobre Edimburgo, e ele vira-se muito incrédulo "porque é que dizes edinburgue? é edinbrah". Como se a lógica estivesse do lado dele. Depois ela é que ficou incrédula.
Isto vem a propósito de um link que o meu irmão me mandou. Diz ele que anda sempre à bulha com o "sixth", já eu é mesmo a palavra que ocupa o primeiro lugar (e suas similares) que me dão cabo dos nervos.
É que, porra, quando olhamos para as palavras escritas, há letras que não estão lá a fazer nada. Mas pronto, ingleses.

1 comentário:

Maria do Mundo disse...

Como terminas, "pronto, ingleses" é mesmo a forma certa de resumir o que descreves.