segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Christmas time is here

No sábado depois do trabalho tinha ficado combinado de encontrar uns amigos e ir ver o light up das luzes de Natal na Regent Street (estavam lá as Spice Girls e mais não sei quem). Mas fomos para o café beber banana milkshake e conversa puxa conversa (entre muitos assuntos falámos sobre fantasmas, fezes e colegas de casa) acabámos por ficar lá até às sete.

Private joke acerca do housemate dos meus amigos espanhóis

Pensámos que já não íamos chegar a tempo de ver nada dos festejos quando saímos para a rua e ao atravessar o cruzamento da Oxford St com a Regent St, ouvimos o countdown, "right on time!" e ali ficámos a ver as luzes acenderem e o fogo de artifício (sim, mais fogos...).



Depois seguimos à procura de um outro sítio quente onde pudéssemos jantar, que isto de estar na rua já não se aguenta, o Inverno chegou em força esta semana. Mas pelo caminho, entrámos na loja da Disney para avivar ainda mais o espírito natalício.


Ora sendo um sábado, todos os pubs e pizzarias do centro estavam cheias de gente, e eu acabei por não ficar com eles para jantar já que tinha estado a trabalhar esse dia e estava exausta, mas eles foram a uma pizzaria italiana fora do centro.
Ontem fomos ao pub Hideaway, em Tufnell Park, perto de Camden Town, onde trabalha uma amiga minha. Era open mic night e nós (três raparigas e um rapaz com ar de tótós que estavam a pensar beber chá em vez de cerveja) fomos confundidos com uma banda por um dos moços que lá ia cantar essa noite. Teve a sua piada. Num domingo à noite, com o pub quase vazio, deu para relaxar, ouvir boas vozes e algumas boas canções originais e ver um comediante que não tinha piada nenhuma ou estava numa noite pouco inspirada. O momento mais alto da sua performance foi quando se vira para a minha amiga e diz "o dono do pub só te contratou porque te quer fazer bébés" ao que ela respondeu mandando-o para aquele sítio.
Hoje esteve a chover o dia todo, pois que aqui não é Dia de São Martinho para o sol brilhar no céu, e eu fiquei por casa a descansar com a minha caneca de chá e a ver o My Fair Lady, o filme de 1964 com a Audrey Hepburn. Nunca tinha visto e apesar de não ser fã de musicais, adorei, e surpreendentemente não me aborreci um instante ao longo das quase três horas de filme. Recomendo para uma tarde de chuva :)

2 comentários:

Maria disse...

Sabes adoro Londres e agora fiquei cheia de saudades!~
Bjs
maria

Sue disse...

Eu sei que a inveja é coisa feia, mas "ouvir-te" falar assim sobre Londres, deixa-me ainda com mais a certeza de que um dia será a minha cidade :) Lucky you ;) E que conversa tão eclética a que tiveste com os teus amigos :P